Palestrante do Seminário Jurídico da APMP é nomeado Ministro da Fazenda

12 de abril de 2018

No evento, Eduardo Guardia discorreu sobre “Perspectivas Econômicas” para quase uma centena de associados

O palestrante do XLIII Seminário Jurídico dos Grupos de Estudos, realizado pela Associação Paulista do Ministério Público (APMP), no Casa Grande Hotel, no Guarujá, em dezembro de 2015, Eduardo Guardia, assumiu, na última quarta-feira (09/04), o comando do Ministério da Fazenda no lugar de Henrique Meirelles. No evento da Associação, Guardia discorreu sobre “Perspectivas Econômicas” para aproximadamente uma centena de associados presentes.

Eduardo Guardia já era o número dois da pasta desde junho de 2016. Em sua carreira profissional, soma um grande número de cargos na iniciativa privada e no setor público. Foi diretor financeiro da BM&FBovespa entre 2010 e 2016. Também ocupou os cargos de secretário de finanças do Estado de São Paulo, entre 2003 e 2006, na gestão Geraldo Alckmin (PSDB); secretário-adjunto do Tesouro Nacional, de 1999 a 2002; e assessor especial da Fazenda, em 1998, quando a pasta era capitaneada por Pedro Malan, ministro do então presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB).