Associação Brasileira de Jurimetria realiza ‘Café Jurimétrico’

11 de julho de 2018

Evento acontecerá no dia 24 de julho, com palestra do professor Ivar Hartmann sobre o ‘Projeto Supremo em Números’

A Associação Paulista do Ministério Público (APMP), por iniciativa da promotora de Justiça Angélica Ramos de Frias Sigollo, convida seus associados a participarem do Café Jurimétrico da Associação Brasileira de Jurimetria (ABJ). Trata-se de evento mensal que tem como finalidade debater a ciência e o Direito por meio da jurimetria – que pode ser genericamente definida como “a estatística aplicada do Direito”. São 5 convites colocados à disposição da APMP, e os associados interessados em participar podem entrar em contato com Rennan Souza Silva pelo telefone (11) 3188-6466, pelo e-mail rennan.silva@apmp.com.br ou presencialmente, na Sede Executiva da APMP (Rua Riachuelo, 115, 11º andar, São Paulo).

O próximo Café Jurimétrico será realizado no dia 24 de julho, terça-feira, com palestra do professor Ivar Hartmann, doutor (UERJ) e mestre (PUC-RS) em Direito Público, LL. M. pela Harvard Law School, professor e pesquisador da FGV Direito Rio e coordenador do Projeto Supremo em Números. Neste encontro, ele vai discorrer sobre o referido projeto, que surge da convergência entre a produção empírica de conhecimento jurídico e a aplicação de tecnologias de computação para melhor compreender informações em larga escala.

O evento será realizado na sede do Instituto dos Advogados de São Paulo (Iasp) – endereço: Avenida Paulista, 1294, 19º andar, Bela Vista, São Paulo.

SOBRE A ABJ – A ABJ busca contribuir para o aperfeiçoamento da sociedade brasileira por meio do levantamento de subsídios empíricos e quantitativos para a elaboração de políticas públicas, tendo em vista três missões principais: reunir e incentivar pesquisadores com preocupação em investigar e descrever os processos de decisão em que são criadas as normas individuais e concretas; disciplinar a jurimetria como um ramo do conhecimento jurídico, definindo premissas, fundamentos, conceitos e relações essenciais; colaborar com entidades públicas e privadas no esforço estratégico de aperfeiçoar os mecanismos de prestação jurisdicional através da elaboração de leis e da administração dos tribunais.