‘A Associação fazia ecoar os feitos do promotor de Justiça em uma época que não havia internet’, diz Beatriz Helena

Entrevista faz parte das comemorações aos 80 anos da APMP

Publicado em 17 de julho de 2018

A procuradora de Justiça aposentada Beatriz Helena Ramos Amaral foi entrevistada pela reportagem da APMP. No encontro, ela falou sobre o papel da Associação Paulista do Ministério Público (APMP) na divulgação do trabalho dos promotores de Justiça, numa época em que não havia internet. “A nossa Associação sempre foi especial”, complementou. O depoimento faz parte das homenagens aos 80 anos da APMP.

Assista à entrevista no vídeo abaixo.