Folha de S.Paulo publica artigo de Roberto Livianu

26 de dezembro de 2019

Artigo, intitulado “Cilada no pacote anticrime”, reflete sobre o recém-aprovado projeto

O jornal diário “Folha de S. Paulo” publicou, nesta quinta-feira (26), em sua sessão Tendências e Debates, artigo de autoria do procurador de Justiça Roberto Livianu, um dos assessores do Departamento de Assuntos Institucionais e Parlamentares da Associação Paulista do Ministério Público (APMP) e presidente do Instituto Não Aceito Corrupção. O artigo, intitulado “Cilada no pacote anticrime”, reflete sobre o recém-aprovado projeto.

“No pacote anticrime, negociado politicamente, incluiu-se um ‘jabuti’ —elemento não debatido, estranho ao objeto do projeto— para servir como instrumento de ‘lavagem de fichas-sujas’, permitindo acordos em matéria de improbidade administrativa. A manobra visou criar atalho legal para viabilizar a participação de fichas sujas nas eleições de 2020 e acontece sintomaticamente após manifestações de muitos políticos no sentido de simplesmente revogar a lei da ficha limpa. A absurda narrativa (num país com educação de baixa qualidade e cidadania rasa): o povo deve ter o direito soberano de escolher livremente entre candidatos ficha suja ou ficha limpa”, diz trecho do artigo.

CLIQUE AQUI E LEIA A ÍNTEGRA DO ARTIGO