Diretores da APMP acompanham zerésima do sistema eleitoral para o OE e CPP

A eleição ocorre nesta quarta-feira, entre 10 e 15 horas, exclusivamente de forma eletrônica e à distância

Publicado em 23 de novembro de 2021

A diretoria da APMP (Associação Paulista do Ministério Público), representada pelo seu presidente Paulo Penteado Teixeira Junior, e pela 1ª tesoureira, Paula Castanheira Lamenza, acompanhou, na tarde desta terça-feira (23), o teste e certificação do sistema de votação, que será utilizado para a eleição dos 20 membros, que comporão o Órgão Especial (OE) do Ministério Público de São Paulo (MPSP) e para a Comissão Processante Permanente (CPP) no biênio 2022-2023. Para confirmar a idoneidade do processo, na ocasião, o procurador-geral de Justiça, Mario Luiz Sarrubbo, emitiu a zerésima. A eleição ocorre nesta quarta-feira, entre 10 e 15 horas, exclusivamente de forma eletrônica e à distância, sem estrutura presencial no prédio sede e nas áreas regionais.

O voto será obrigatório para todos os membros do Colégio de Procuradores em exercício, e facultativo para os Procuradores de Justiça em gozo de férias ou licença. Para votar não será mais obrigatório o uso do token , basta utilizar o nome de usuário e senha institucionais em qualquer dispositivo com acesso à Internet.
Informações sobre o processo eleitoral: http://www.mpsp.mp.br/portal/page/portal/votoeletronico.